Como calcular o CPA ideal

Fala meus queridos! Tudo bem?

Como dito no nosso artigo sobre o que é CPA, o Custo por ação (CPA) é uma métrica que mede o quanto seu negócio paga para conseguir uma conversão. Geralmente, seu CPA será maior do que o seu custo por clique (CPC), porque nem todos que clicam em seu anúncio continuarão a preencher a ação desejada, seja fazendo uma compra ou preenchendo um formulário para se tornar um lead. O custo por ação leva em conta o número de cliques de anúncios que você precisa antes que alguém converta – em outras palavras, melhorar sua taxa de conversão reduzirá seu CPA. Juntamente com o CPC, seu CPA contribuirá para os custos gerais de anúncios.

Como calcular seu Custo Por Ação

Fórmulas usadas para calcular o custo por ação podem ficar bastante complexas, mas a abordagem mais básica é: CPA = Gasto total de marketing (mês/ano) dividido do número total de clientes adquiridos.

Quanto mais pontos de contato antes de uma conversão são necessários, mais caro é a aquisição. Para calcular seu CPA para cada canal de marketing (tráfego), use figuras apropriadas para esse canal em particular (por exemplo, se você gastar R$ 100 em anúncios do Facebook e adquirir 10 novos clientes, seu CPA seria de R$10 por nova aquisição apenas para o canal do Facebook).

Como otimizar o custo por ação

O custo por ação torna-se realmente útil quando você descobre quanto a ação de um determinado cliente vale para o seu negócio. Isso ajuda a definir o orçamento de publicidade certo e continuar a otimizar para reduzir os custos por ação até que você saiba que suas campanhas de marketing estão valendo a pena.

Etapas para otimizar seu custo por ação:

  • Ajuste suas campanhas do CPC: para aumentar o número de conversões, você tem que ter certeza absoluta de que suas campanhas do CPC estão mirando o público certo e comunicando claramente o valor da oferta para seduzir as pessoas a clicar na página de destino.
  • Obsessivo com CRO: uma vez que um novo visitante chega na página de destino, as primeiras impressões e a experiência do usuário são críticas. As mensagens na página de chegada devem estar em sintonia com o texto do anúncio que capturou a atenção do visitante e todo o conteúdo e design no local devem funcionar em harmonia para levar o usuário ao ponto de conversão.
  • Configure várias metas: mesmo que seu objetivo final seja que um usuário compre algo, estabelecendo metas adicionais, como o tempo gasto no site ou o número de páginas visitadas, lhe dará uma melhor visão sobre possíveis problemas com sua página de destino. Se os usuários estão gastando tempo navegando em seu site, talvez a página de destino não seja convincente o suficiente ou precise de mais provas sociais para fazer uma compra. Seja o que for, você pode sempre melhorar.

Me conta aí meu querido, o que achou do conteúdo?

%d blogueiros gostam disto: